Movida - logo

A tarde foi agitada para as ações da empresa de aluguel de carros Movida. Às 15h37, a B3 suspendeu os negócios com suas ações (MOVI3) após a empresa informar que os estava na iminência de divulgar fato relevante.

Às 15h49, veio a notícia: a companhia confirmou a notícia veiculada pela Coluna do Broadcast do Estadão, sob o título “Movida lançará Follow On de R$500 MI”. A empresa revelou sua intenção de realizar oferta pública subsequente de distribuição primária e secundária de ações.

A JSL – detentora de mais de 70% das ações da Movida – também divulgou fato relevante em que manifesta intenção de participar como acionista vendedor da eventual oferta pública primária e secundária de ações.

As ações da Movida recuaram 2,95% no pregão, enquanto os ativos da JSL (JSLG3) mantiveram-se praticamente estáveis com alta de 0,17%.

Oferta primária x Oferta secundária

A oferta primária ocorre quando a empresa emite novas ações com o objetivo de captar recursos no mercado. Estes recursos podem ser utilizados em planos de expansão, amortização de dívidas, aquisições ou outras finalidades. 

No caso da Movida, como a dívida bruta atinge 150% do patrimônio líquido, os recursos captados pela oferta primária poderiam ser usados para pagamento da dívida.

JSL

A oferta secundária é utilizada para que grandes acionistas da empresa possam vender – integralmente ou parcialmente – suas participações na companhia. Neste tipo de operação não há entrada de novos recursos para a empresa que realiza a oferta. 

Assim como sua subsidiária, a JSL também possui dívida relevante. No primeiro trimestre, as obrigações líquidas da empresa superavam os R$ 8 bilhões, quase dez vezes maior do que seu patrimônio líquido. É possível, portanto, que a JSL também utilize o caixa gerado com a oferta secundária de MOVI3 para abater sua própria dívida. 

 

Anúncios

2 pensamentos

  1. Adoro seus artigos, sempre os leios. Na sua interpretação seria manobra para levantar um montante para JSL ou vislumbram algum problema estrutural futuro ou mesmo um valor atual irreal? Lembro que a pouco tempo a JHS iria lança um IPO de um segmento dela mas desistiu, infelizmente.

    Curtir

    1. Obrigado por acompanhar o site Fabricio!

      A JSL pode usar os recursos com a venda no mercado secundário para diminuir a dívida ou implementar um programa de expansão. Como a empresa tem conseguido projetos rentáveis e tem emitido dívida barata, acho mais provável que ela use o dinheiro da venda das ações para expandir.
      O único problema que vejo e se a taxa de juros voltar a subir e comprometer a capacidade de pagamento dos juros da dívida deles.
      Essa oferta secundária vem no momento de preço das ações próximo da máxima. Acho que a companhia foi inteligente em aproveitar este momento para vender suas ações.
      O IPO da Vamos que eles tentarem não deu certo, mas a empresa segue crescendo. Acredito que em breve eles tentarão novamente e, dessa vez, vão querer vender mais caro as ações da Vamos.

      Abraço.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s